quarta-feira, 23 de setembro de 2015

[Resenha] Se eu morrer antes de você - Allison Brennan


Sinopse: Seis anos atrás, Lucy Kincaid foi atacada e quase morta por um predador que conheceu online. Ela sobreviveu. Seu agressor não. Agora o objetivo de Lucy é juntar-se ao FBI e lutar contra o cyber-crime, mas nesse meio tempo, ela é voluntária em um grupo de direitos das vítimas, navegando na internet disfarçada para enganar e atrair agressores sexuais para as mãos da lei. Mas quando os predadores que ela caça começam a aparecer como vítimas de assassinatos, o FBI tem todo um novo interesse por Lucy. Com seu futuro e possivelmente até sua liberdade em perigo, Lucy descobre que ela é um peão na história de alguém para obter justiça. Ela junta suas forças com o especialista em segurança Sean Rogan e, juntos, eles traçam seu caminho desde salas de chat online até as ruas de Washington, DC. Mas outra pessoa está seguindo-os: um perseguidor tem os olhos em Lucy. O único jeito de ela escapar de sua brutalidade pode ser outra luta até a morte.

''Uma tensão dolorosa começou na base do crânio, espalhando-se rapidamente pelo corpo; o coração disparou como se ela estivesse correndo uma maratona. Quando alcançou o topo das escadas, ela tentava combater um ataque de pânico.
Você está dentro do metrô! Claro que as pessoas estão olhando pra você! Entretanto, era mais do que um simples relance; alguém estava com os olhos cravados nela. Maldição, não havia passado por isso trinta minutos antes? Quando isso terminaria? Com a mão trêmula, pegou o spray de pimenta ao mesmo tempo em que pensava no quanto aquilo era ridículo. Sua visão estava embaçando. Obrigou-se a respirar fundo.''

 Confesso que nunca tinha lido livos de gênero policial, quando olhei a capa me interessei, de começo achei que era um livro de romance, porém quando li a sinopse vi que não era de romance e sim, um livro em que aborda gêneros muito fortes, como estupro, violência e mortes, e fiquei obcecada querendo ler o livro, claro que sim, ele tem suas partes românticas e isso é essencial para não deixar o livro tão pesado por conta da historia, e conforme vamos lendo, vemos que sua capa não tem nada a ver com algo romântico.

Lucy Kincaid aos 18 anos foi vitima de um predador online, foi sequestrada, torturada, espancada e estuprada, e tudo isso sendo passando para milhares de pessoas via internet onde elas votavam de qual maneira ela deveria morrer, louco né? e claro Lucy não foi a primeira vitima, porém diferente das outras ela conseguiu sobreviver. Depois de 6 anos, Lucy agora com 24 tem um sonho, entrar para FBI, como seu irmão Dillon e sua cunhada Kate, Lucy trabalha duro para conseguir uma resposta do FBI, ela conseguiu seguir sua vida, e trabalha como voluntaria do PMC (Prioridade de Mulheres e crianças) onde seu objetivo é monitorar criminosos que estão em liberdade condicional, ela conversa com eles por um bate papo e serve de isca para o FBI agir.
“–Tudo o que nos acontece faz parte da gente. As coisas boas e as ruins. Tudo molda nosso futuro, nosso destino. Mas o que de fato importa é o que está aqui dentro  – ele, então, apoiou a mão no peito dela.”
 Porém como as coisas para Lucy não é nada fácil, seu passado parece esta voltando, Lucy percebe que os criminosos com quem ela marcou encontrar estão morrendo,incluindo o homem que destruiu sua vida, ela também sente que esta sendo vigiada de alguma forma, ela não sabe o que isso pode significar, será que isso é algo da cabeça de Lucy, por tudo que ela já passou? ou será que realmente existe alguém vigiando seus passos?


"Preciso ouvir os pedidos de clemência dela. Preciso saborear as lágrimas do rosto dela. Preciso vê-la se partir ao meio. Preciso sentir o cheiro do medo dela. Preciso que ela obedeça." 
Junto com Sean, no qual surgi um romance, lindo, puro e intenso, o que é essencial para a historia não ficar tão pesada, Sean não mede esforços para mostrar a Lucy o quanto gosta dela e super protetor, mais nada meloso é um romance ótimo de se ler. Eles começam investigar um caso de predador, no qual pode acarretar tanto na vida de Lucy quando em sua entrada para o FBI, será que isso irá deixa-la face a face com um novo Psicopata.
''Quero que ela entenda que as ações dela têm conseqüências. Não posso educá-la se ela estiver morta.''
Eu gostei muito do livro, principalmente por ser um suspense eu amo coisas desse gênero, o que gostei na personagem, foi sua motivação, Allison nos descreve uma ''mocinha'' forte, em que não se deixa se abater por seu passado, ela vive sua vida da maneira que pode, ela da um banho de superação, eu amei o jeito como ela desvenda os mistérios, com certeza ela é muito boa com isso. Eu gostei bastante de todos os personagens, e principalmente do romance entre Lucy e Sean, não é nada meloso, é algo bem puro e sincero da parte dos dois. 
O livro e contado em terceira pessoa, intercalando em primeira, onde nós mostra a fala do predador citado no livro, o que é legal pois nós mostra a versão doentia dos predadores. 
Além de ser um livro muito bom, e de uma historia super interessante, não foi um livro que me fissurou, confesso que demorei um tempinho para terminar, pois não gostei tanto da escrita da autora, claro que não é nada que atrapalhe tanto, porém algumas coisas deixam a leitura um pouco cansativa.
Mas sim, é um livro em que recomendo, são historia que remete a realidade, principalmente nesse tempo de tantas redes social, é um livro forte e que nós faz repensar varias coisas. É um livro sem faixa etária e sexo definido, é um livro que será do agrado de todos.
''Difícil?  Era  o  inferno,  mas  ela  passou  pelo  inferno  antes.  Sobreviveria, mesmo  diante  da  traição.  Por que  sua  única  opção  era  ir   para  a  cama  e puxar   as  cobertas  sobre  a  cabeça  e  chorar .  Se  não  fez   isso  seis  anos  antes, certamente não faria agora.''
PS: O livro tem o volume 2, que não é bem uma continuação do primeiro, porém precisa ser lido o primeiro para entender o segundo, e logo logo terá resenha dele aqui também, é só aguardar. *--*


Quotes:
  • Eu  queria  que  você  pudesse  me  abraçar   assim  a  noite  inteira  –  ela sussurrou. 
  • Nunca conheci ninguém mais valente do que você.
  • Lucy  deu uma olhada para Sean e a ansiedade em relação à novidade de mais  um  corpo  encontrado  sumiu.  Sean  deu-lhe  uma  piscadela  e  segurou  a mão  dela  par a  ajudá-la  a  sair   do  carro.  Lucy   sentiu  retornar   o  formigar não  tão  sutil   de  quando  o  viu  assim  que  abriu  a  porta.
  • Do  cachorro  morto  da  garota  que  não  quis  mais  obedecer .  Não  se acorda  certa  manhã  e  se  decide  matar   um  cachorro  de  alguém.  Ele  já devia  ter   feito  isso  antes.  Matar   animai s  é  um  dos  três  traços  comuns  aos assassinos  seriais.
  • Lucy Kincaid precisa ser treinada. Preciso domá-la. Ela é o problema. Eu sou a solução.
Essa foi a resenha de Se eu morrer antes de você, espero de verdade que tenham gostado, é um livro bem complexo e um pouco difícil de ser resenhado. É um ótimo livro, espero que já tenham colocado na listinha de desejos hahaha. 

PS: O Livro tem uma continuação, que logo será postada a resenha, fiquem de olho. *-*

Beijos e até a próxima

2 comentários:

  1. Não conhecia o livro, e como você, não costumo ler livros desse gênero, mass gostei da resenha e fiquei curiosa sobre ele!
    Pena que a minha lista de livros pra comprar tá do tamanho do mundo HAHAHHA

    Bjs,
    Laila.
    www.escritoriando.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro muito bom e bem interessante e de um gênero que foge um pouco do que costumo ler, mais vale a pena.
      E sim, sei como é essa lista grande do tamanho do mundo kkkkkkkkkkkkkkk
      Beijos linda

      Excluir